• Sheylli Caleffi

QUE TAL EM PÉ?

Dicas de comunicação em vídeo pra melhorar sua conexão com a audiência

O cesto de roupas é um excelente suporte de notebook como vocês podem ver na imagem. Nesse dia eu falava com mais de 300 pessoas simultaneamente. Como comandar a minha energia pra envolvê-las na fala? Sentada fica muito difícil.



O vídeo mata nossa expressão, por isso reuniões online são tão cansativas. Nos esforçamos mais para que nos compreendam e os outros se esforçam mais para nos compreenderem.


Quando estou falando pra mais de 40 pessoas em até 1:30 de duração, prefiro ficar em pé. Às vezes mesmo que a turma seja menor e o tempo maior, ministro uma parte do workshop em pé e outra sentada.


Realizei uma palestra para 2 mil professores simultaneamente sobre como fazer vídeos com o que você tem em casa. Como manter a minha energia alta sentada?


Pessoalmente, acho mais difícil porque a minha energia pessoal flui melhor em pé. Inclusive sempre recomendo exercícios físicos antes de uma apresentação. Polichinelo é o meu preferido, pra entrar literalmente aquecida no evento.

Coloquei algumas dicas nos cards e aqui tem um link com vídeos, podcasts e textos que podem te ajudar nessa jornada constante em busca de uma comunicação efetiva.


Dicas de comunicação em vídeo:

1. As pessoas estão vendo apenas seu rosto mas sua energia é produzida no corpo todo. De uns pulinhos antes de começar, faça a energia fluir;

2. Já que o vídeo apaga um pouco da nossa expressão diminuindo a conexão, exagere nos movimentos corporais e nas expressões faciais. No vídeo, não existe isso de "mexo muito as mãos". Além de movimentá-las com frequência, traga para perto do rosto, dentro do enquadramento do seu vídeo;

3. Muitas pessoas te assistirão no celular - lembre sempre disso! Então fique o mais perto possível da câmera para que vejam suas expressões, e use letras grandes em apresentações;

4. É importante olhar pra câmera? É! O público se conecta mais se você olha diretamente para ele (na bolinha da câmera). Porem evite ficar vidrada olhando fixamente pra câmera porque em uma conversa real você vira pro lado, busca algo na memória olhando pra cima, olha para baixo, isso traz naturalidade e leveza pra sua comunicação;

5. Naturalidade?

Naturalidade não existe no vídeo porque não é natural falar para um pedaço de plástico e metal com uma bolinha (a câmera).

Então a naturalidade no vídeo é construída. Você reproduz o seu próprio comportamento dentro de um enquadramento e ampliando alguns movimentos e intenções da fala para dar dinâmica e conectar com a audiência.




#comunicacao #falarempublico #palestra#oratoria